Sobre a Fábula e o Desvio

Autor(es): Sarrazac, Jean-Pierre

Editora: 7 Letras


Avise-me


Produto indisponível no momento.

Caso deseje ser informado quando este produto estiver disponível em nosso estoque, digite seu nome e e-mail.

Nome:
Email:

ORGANIZAÇÃO E TRADUÇÃO: Saadi, Fátima - Nos cinco ensaio de "Sobre a Fábula e o Desvio", Jean-Pierre Sarrazac enfatiza o jogo entre o dramático e o épico que, a partir de Strindberg e do expressionismo, vai marcar a dramaturgia atual. O autor sublinha a ampliação do universo dramatúrgico a partir do desvio que, ao articular o íntimo e o cósmico, o sonho e o cotidiano, a imobilidade e a errância, desfazem perspectivas críticas maniqueístas e propõem novo instrumental para a análise da história da dramaturgia. Os fios que unem Strindberg, Tchekhov, Hauptamnn, Maeterlinck, Horváth, Marieluise Fleisser, Pirandello, Brecht, Claudel, Beckett, Koltès, Kroetz, Bond vão se evidenciando ao longo dos ensaios de Sarrazac e o panorama que se delineia é original e surpreendente. 

ISBN: 978-85-4210-0907

Edição/Ano: 1ª edição, 2013

Paginas: 158

Encardenação: Brochura

Comprimento: 23,00 cm.

Largura: 15,50 cm.

Altura: 1,00 cm.

Jean-Pierre Sarrazac é ensaísta e dramaturgo, professor emérito do Instituto de Estudos Teatrais da Universidade de Paris III - Sorbonne Nouvelle e do Centro de Estudos Teatrais da Universidade Católica de Louvain. Recebeu, em 2008, pelo conjunto de sua obra, o Prêmio Thalie, concedido pela Associação Internacional de Críticos de Teatro (AICT). Em 2012 lançou "Poétique du Drame Moderne - De Henrik Ibsen à Bernard-Marie Koltès" (Seuil), "Léxico do Drama Contemporâneo" (Cosac Naify) e "L'Atelier D'Ecriture Théâtrale", em colaboração com Joseph Danan (Actes Sud Papiers). Entre seus principais livros no campo dos estudos tetrais estão ainda "L'Avenir du Drame" (L'Aire, 1981 e Circé, 1999), "Théatres Intimes" (Actes Sud, 1989), "Théatres du Moi, Théatres du Monde" (Médianes, 1995), "Critique du Théatre - De L'Utopie au Désenchantement" (Circé, 2000), "La Parabole ou L'Enfance du Théatre" (Circé, 2002), "A Invenção da Teatralidade" (Deriva/Porto, 2009). 

0 Opiniões:

OPINE

Envie uma Opinião

Faltam 120 caracteres Coloque seu nome e e-mail. As críticas sem assinatura não serão publicadas.