Work in Progress na Cena Contemporânea - Criação, Encenação e Recepção

Autor(es): Cohen, Renato

Editora: Perspectiva




Por: R$ 49,90

COLEÇÃO: Estudos - Volume 162 - Neste mundo contemporâneo onde as noções de tempo, espaço e presença estão alteradas; onde assistimos à passagem da comunicação verbal para as sinestesias visuais, onde as artes escapam do estatuto dos gêneros, recuperando o projeto wagneriano da Gesamtkinstwerk; numa era vertiginosa onde o real e o ficcional se confundem assombrosamente, em que a cidade e o environment são os cenários de uma arte total em operação, não se poderia falar de uma nova cena? Uma cena onde está em causa o espetáculo e não o teatro, a cena pós-performance: a cena virtual, a cena da mídia, a cena ritual, a cena teatral, a cena mental. A idéia dessa grande cena em processo, articulada por operadores que incorporam o acaso, a epifania, a polifonia, a narrativa hipertextual, desenha-se nessa cartografia da criação e da espetacularização, que é o Work in Progress. Recuperando uma genealogia das vanguardas e das performances, o percurso do pára-teatro, e inscrevendo as obras de criadores, como Joyce, Beckett, Joseph Beuys, Robert Wilson, Gerald Thomas, entre outros, Renato Cohen tece, neste livro, as linhas principais da criatividade e do feitio da grande cena contemporânea. E para ilustrar as suas colocações teóricas e críticas com elementos de uma prática conforme e própria que vem acionando com convincentes resultados artísticos e teatrais os operadores "irracionalistas" a transitar pelas vias esquerdas do myhtos e do inconsciente, o autor-diretor descortina, para o seu leitor-espectador, o trabalho que desenvolveu em "Tempestade e Ímpeto", desde a partitura do texto espetacular, das matrizes narrativas, até a performance, o movimento e a animação do espaço teatral. (J. Guinsburg)

ISBN: 978-85-2730-1688

Edição/Ano: 2ª edição, 2013

Paginas: 184

Encardenação: Brochura

Comprimento: 22,50 cm.

Largura: 12,50 cm.

Altura: 1,10 cm.

SUMÁRIO

 

A CENA EM PROGRESSO - Sílvia Fernandes   XVII

INTRODUÇÃO   XXIII

DO PERCURSO   XXXIII

1. A Cena Contemporânea e o Work in Process   1

2. Parateatralidade / Sincronias / A Via da Avant-Garde: Historicidade e Questões da Recepção   9

   2.1. Art is Free: Life is Paralised - A Via das Vanguardas   9

   2.2. A Via Parateatral: Rituais, Manifestações, Performance   12

3. Work in Process como Linguagem: Considerações sobre Criação, Processos e Sintaxe Cênica   17

   3.1. O Procedimento Work in Process: Definição de Campo   17

   3.2. Mudança de Paradigmas: Work in Process e a Cena Contemporânea   20

   3.3. Procedimentos Work in Process: Leitmotiv e Construção pelo Environment   25

   3.4. Construção de Storyboard: Textualização / Processos / Signagem   27

   3.5. Um Modelo de Work in Process: Criação e Encenação do Espetáculo Sturm und Drang (Tempestade e Ímpeto)  31

         3.5.1. Do Percurso   31

         3.5.2. Da Linguagem   33

         3.5.3. O Sturm und Drang: Universo da Pesquisa   34

         3.5.4. Processos / Transições   35

         3.5.5. Sturm und Drang: Organização dos Leitmotive   40

         3.5.6. Textualização / Transições / Construção de Story-board   40

   3.6. Work in Progress como Linguagem   45

         Anexos   47

         1. Gerative   49

         2. Processos / Sincronicidade (Sturm und Drang)   50

         3. Storyboard - Sturm und Drang   51

4. Do Estranho ao Numinoso: Processos de Criação / Atuação   59

   4.1. Trabalhos em Campo Mítico: A Cena do Mistério  65

   4.2. Processos / Portas / Instauração de Campo Mítico   69

         4.2.1. Processos de Estranhamento: Criação de Campo Mítico   71

         4.2.2. Look at Yourself: Trabalhos em Campo Pessoal   75

         4.2.3. Personae: Trabalhos no Contexto Cênico   81

   4.3. Recuperação do Símbolo e Cena do Mythos   85

         Anexos    87

         Índices de Passagem / Material Mitológico (Capture)  89

5. Teatro do Environment: Questões da Encenação / Formalização   95

   5.1. Signagens, Gestus, Ações: o Discurso da Mise-en-Scène   98

   5.2. Teatro do Environment: Construções no Espaço / Tempo   100

   5.3. A Cena Transversa: Considerações sobre o Zeitgeist Contemporâneo   103

6. Work in Process e Epifanias: A Cena da U-Topia  115

   6.1. Da Experiência Brasileira: Limites   117

Referências Bibliográficas   121

   Teatro / Performance / Artes   121

   Linguagem / Epistemologia / Semiótica   124

   Modernidade / Pós-Modernidade / Contemporaneidade   126

   Contracultura   128

   Mitologias / Ritualização / Processos de Consciência   128

Material Fonte   131

   Fontes Textuais   131

         Roteiro de Peças / Performances / Catálogos   131

   Espetáculos / Peças / Performances   133

   Fontes Multimídicas   134

         Videografia   134

         Hipertexto / Arte Telemática   134

0 Opiniões:

OPINE

Envie uma Opinião

Faltam 120 caracteres Coloque seu nome e e-mail. As críticas sem assinatura não serão publicadas.