Teatro do Oprimido e Outras Poéticas Políticas

Autor(es): Boal, Augusto

Editora: Cosac Naify


Avise-me


Produto indisponível no momento.

Caso deseje ser informado quando este produto estiver disponível em nosso estoque, digite seu nome e e-mail.

Nome:
Email:

POSFÁCIO: Boal, Julián - Augusto Boal (1931-2009) foi um dos maiores teatrólogos contemporâneos. O título de "Embaixador do Teatro Mundial", conferido a ele pela Unesco em 2009, consagrou uma trajetória brilhante. Seus métodos e encenações correram o mundo desde 1971, quando foi preso e exilado pela ditadura. Pudera, pois a atuação de Boal no Teatro de Arena, a partir de fins dos anos 1950, havia trazido a política para o centro dos palcos brasileiros, encenando e discutindo os problemas sociais que até hoje nos afligem. "Teatro do Oprimido" é o livro mais conhecido do autor. Nela estão os fundamentos teóricos e técnicos desenvolvidos por Boal nos anos seguintes em obras que falam às pessoas comuns e vão muito além do palco, ganhando ruas, praças, escolas, parlamentos e clínicas, na tentativa de nos libertar das opressões impostas e das que criamos dentro de nós mesmos. Publicado originalmente em 1973, e traduzido para mais de 25 idiomas e utilizado em mais de 70 países, o "Teatro do Oprimido" é um método de pesquisa e criatividade que tem como objetivo a transformação pessoal, política e social. Ele pode ser usado por todos aqueles que se enquadrem na categoria de "oprimidos", sejam operários, camponeses, mulheres, negros e homossexuais. Os espectadores entram em cena no lugar dos personagens que eles próprios julgam oprimidos. A técnica, desenvolvida por Augusto Boal nos anos 70, é a mais radical na socialização dos meios de produção cênica. 

ISBN: 978-85-4050-4745

Edição/Ano: 1ª edição, 2013

Paginas: 224

Encardenação: Brochura

Comprimento: 23,00 cm.

Largura: 24,00 cm.

Altura: 1,30 cm.

0 Opiniões:

OPINE

Envie uma Opinião

Faltam 120 caracteres Coloque seu nome e e-mail. As críticas sem assinatura não serão publicadas.